domingo, setembro 06, 2015

Semeiam sonhos as sombras indolentes


No papel amarelado trôpegos ácaros tentam contar uma história de cicatrizes e sangue seco sob o lençol amassado da face.

Wilson Roberto Nogueira

Nenhum comentário:

Loading...