terça-feira, novembro 18, 2008

Inseto Âmbar

DOR NO VENTRE ÂMBAR
MOSQUITO SONHA QUE É PEDRA
SONHO SONÂMBULO
PARTÍCULA DE ETERNIDADE
INSETO ÉTER A PICAR AS ERAS

ELE ZUMBE A BULINAR O SONO
QUE FOGE E SE PERDE
PERDE-SE NA PEDRA
PEDREIRA PEDRARIA
DE CASCALHOS EM CASCATASSS
SONO QUER SONHAR
QUE NA MORTE VIVE OUTRA ALMA
NO COÁGULO DA IDÉIA
MAS O SANGUE DO SONO
O INSETO SUGA

OS MOSQUITOS SÃO ETERNOS
ETERNAS LABAREDAS DE FEBRE
NAS SELVAS DO TEMPO.

WILSON ROBERTO NOGUEIRA

Nenhum comentário:

Loading...