quarta-feira, outubro 20, 2010

Em casulos na tua seda úmida acoplados, percorremos o cosmos e incendiados

mergulhamos no firmamento da razão estiolante do lamento.



Wilson Roberto Nogueira

Um comentário:

Anônimo disse...

vc poderia ter terminado em razão e já teria ficado ótimo! muito bom!

Loading...