segunda-feira, agosto 02, 2010

O mar morde o mote

tenebroso do remorso
no remanso do acorde
sibiloso do bote
do banzo a marejar a morte
no fundo negro
do mar que ama a sorte.



Wilson Roberto Nogueira

Nenhum comentário:

Loading...